John Deere assina termo de cooperação técnica com associação de cotonicultores de Mato Grosso

Parceria visa qualificar mão de obra no campo para aumentar produtividade da cultura

Notícia   06 de Agosto de 2018

Com o intuito de promover a capacitação dos cotonicultores de Mato Grosso, Estado que responde por grande parte da colheita de algodão no País, a John Deere firmou um Termo de Cooperação Técnica com a Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa), por meio do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt). A parceria, que também envolve os concessionários da John Deere no Estado, tem como objetivo principal tornar mais sustentável a cotonicultura em solo mato-grossense, por meio da profissionalização dos operadores de máquinas agrícolas.

 

A assinatura ocorreu em um Dia de Campo realizado na Fazenda São Miguel, do Grupo Bom Futuro, em Campo Verde (MT), no dia 28 de julho. Estiveram presentes na cerimônia Alexandre Schenkel, presidente da Ampa, Paulo Herrmann, presidente da John Deere Brasil, Juarez Gavinho, presidente da Iguaçu Máquinas Agrícolas, além de outros executivos da Ampa, do IMAmt e dos demais concessionários da John Deere no Estado.

 

“A John Deere tem como um dos principais pilares no País o treinamento e a capacitação de operadores, para que estes profissionais utilizem todo o potencial das máquinas para aumentar a produtividade da agricultura brasileira. Estamos muito felizes com esta parceria, pois a tecnologia está avançando cada vez mais nas lavouras e é importante que os operadores conheçam todas as especificidades das máquinas agrícolas, para uma utilização correta e eficaz. Por meio deste Termo de Cooperação Técnica, estamos cada vez mais próximos dos agricultores e, em especial, dos cotonicultores mato-grossenses", disse Paulo Herrmann, presidente da John Deere Brasil.

 

Segundo o Termo de Cooperação Técnica, a John Deere e os concessionários utilizarão a estrutura física disponível nos Centros de Treinamento e Difusão Tecnológica, em que os instrutores aplicarão as aulas com produtos, componentes e a tecnologia John Deere. O cronograma dos treinamentos está sendo definido a partir da identificação das demandas apresentadas ao IMAmt pelos associados da Ampa, com foco na operação e regulagem dos equipamentos John Deere, manutenção preventiva e diagnóstico inicial de falhas.

 

Em um próximo passo, está prevista nova parceria da John Deere para oferta de cursos de curta duração que atendam necessidades específicas relacionadas a novas tecnologias. Além disso, a John Deere já está envolvida em um grande projeto para formação de tecnólogos pela Faculdade de Tecnologia do Senai de Mato Grosso (Fatec Senai/MT). A intenção é oferecer, a partir de 2019, cursos de habilitação técnica e superior para formar profissionais mais preparados para atender às demandas do agronegócio.