Releases   Maio 10, 2017

John Deere inaugura filial Florestal em Lages (SC)

John Deere inaugura filial Florestal em Lages (SC). (Foto: Divulgação)

John Deere inaugura filial Florestal em Lages (SC). (Foto: Divulgação)

O novo endereço em Santa Catarina mostra o comprometimento da empresa com este mercado e o fortalecimento da atuação junto ao cliente

A John Deere vem investindo continuamente no segmento Florestal com o objetivo de se aproximar ainda mais dos clientes, independente do tamanho da operação. Em dezembro de 2016, foi inaugurada uma filial em Porto Alegre (RS) e na próxima quinta-feira, 11/05, será colocada em operação uma filial em Lages (SC), totalizando três endereços na região Sul (o outro fica em Telêmaco Borba, no Paraná).

A inauguração em Lages é estratégica para reforçar a importância da rede de distribuidores no Sul, pois a localização central é de fácil acesso para clientes e prestadores de serviços. “O objetivo desta iniciativa é mostrar que a John Deere está próxima e acessível. Queremos funcionar como uma extensão do trabalho deles e um lugar onde possam buscar apoio técnico e base de pós-vendas”, explica Thiago Cibim, gerente Geral de Operações da divisão Florestal da John Deere.

A abertura da filial de Lages (SC) representa o fortalecimento da marca no Brasil e o comprometimento que a John Deere tem com o mercado florestal. É importante para a empresa reforçar também que esta iniciativa visa o livre acesso dos clientes ao distribuidor, especialmente os pequenos e médios, que são muito relevantes e representam uma grande parcela das compras na região Sul.

Alinhado com o crescimento da rede de filiais da operação Florestal no Brasil e também como parte dos investimentos da John Deere no segmento, foi lançada a máquina florestal 2144G. “Este é um equipamento que foi 100% concebido no Brasil, com os clientes florestais participando do desenvolvimento do projeto desde sua concepção”, destaca Rodrigo Junqueira, gerente de Vendas da divisão Florestal da John Deere.

O modelo 2144G é uma solução para operações como harvester, processador, garra traçadora e carregadora florestal. Os modos operacionais pré-programados permitem que o operador ajuste a potência da máquina conforme o volume da floresta, gerando eficiência no uso do combustível, que, ao final do processo, resulta em menor custo de operação e mais rentabilidade.

“Para melhorar o desempenho e a operação, a 2144G possui o JDLink™, um sistema de telemetria que transforma dados da máquina, como tempo de funcionamento e local de trabalho, em informações para aumentar produtividade e eficiência”, destaca Junqueira.

A John Deere Florestal está presente no mercado brasileiro há 20 anos e tem uma sólida estratégia de longo prazo para o país, com confiança no desenvolvimento socioeconômico aliado a valorização do setor florestal e a preservação ambiental.