RELEASES   Agosto 18, 2015

John Deere completa cinco anos seguidos em ranking de Melhores Empresas para Trabalhar

<alt text>

A John Deere se destaca e fica na 20ª colocação entre grandes empresas

Com 178 anos de história, a John Deere é uma das marcas mais reconhecidas do mundo por entregar a próxima geração de tecnologia para seus clientes, de forma a torná-los mais produtivos e eficientes. Além de investimentos em inovação, a empresa também se destaca pelo alto nível dos seus funcionários e cultura de inclusão e diversidade. O resultado da soma destes esforços é a conquista, pelo quinto ano seguido, do prêmio Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil, concedido pelo Instituto Great Place to Work e entregue nesta segunda-feira, 17 de agosto, em São Paulo, SP.

O Diretor de Recursos Humanos para a América Latina, Thomas Peuntner, foi o representante da empresa na cerimônia e comemorou o prêmio, recebido pela categoria “Grande Porte”. De acordo com o executivo, este é o oitavo prêmio da John Deere no Great Place to Work, um dos principais do mundo em melhores práticas corporativas.

“A John Deere mantém uma cultura de inclusão, onde o trabalho em equipe é valorizado e sabemos reconhecer o comprometimento e a alta performance. Para tanto temos quatro valores fundamentais que guiam nossa conduta desde a fundação da empresa pelo próprio John Deere - integridade, qualidade, comprometimento e inovação. Com tais valores nos guiando, podemos proporcionar oportunidades de desenvolvimento pessoal e profissional aos nossos colaboradores, bem como auxiliar para o crescimento estratégico da John Deere no Brasil”, destacou o diretor.

O prêmio Great Place to Work é promovido pelo Instituto GPTW e tem o objetivo de construir uma sociedade melhor, ajudando empresas a transformar seu ambiente de trabalho. Segundo dados do Instituto GPTW, ao investir na qualidade do ambiente de trabalho as empresas proporcionam mais saúde emocional e física, menos rotatividade, além de estimularem a inovação, a colaboração e a criatividade. Outro destaque apontado pelo instituto é que bons ambientes laborais geram melhor atendimento aos clientes e maior qualidade dos produtos ou serviços oferecidos.

“Na John Deere valorizamos ideias, experiências e valores, onde buscamos atrair, desenvolver e reter talentos. Através de oportunidades de desenvolvimento pessoal e de carreira, que se dão pela possibilidade de experiências em uma cultura variada e inclusiva, bem como por meio de programas de remuneração e benefícios, temos como resultado um alto índice de engajamento e satisfação com a companhia. Estamos muito orgulhosos novamente desta conquista”, complementou Peuntner.

Na edição de 2015 a participação das empresas brasileiras cresceu 13% e atingiu 1.454 empresas. Ao todo 1,9 milhão de colaboradores participaram da pesquisa sobre as práticas corporativas das organizações, que responderam um índice (chamado Trust Index) a fim de apurar a excelência do local onde trabalham. Já as companhias respondem em outro índice, chamado Culture Audit, onde apontam, sob o olhar dos líderes, os diferenciais que fazem com que a empresa seja considerada um excelente lugar para trabalhar.

A John Deere venceu o Great Place to Work em 2000, 2001, 2008, 2011, 2012, 2013, 2014 e 2015.